sexta-feira, 11 de junho de 2010

9º Encontro Brasileiro de Danças Circulares Sagradas – A Arte da Síntese



Mais uma vez , no feriado de Corpus Christi lá estávamos nós, dançantes do Brasil todo, de norte a sul participando do 9º EBDCS. Como é bom encontrar os amigos todos , fazer outros tantos, dar as mãos e dançar; este foi meu 3º Encontro. Escrevo para que todos saibam deste acontecimento e que possam também em alguma oportunidade , participar. São 4 dias dedicados a dança, alegria, emoção, comunhão, harmonia, o sagrado...... tantas palavras para descrever.
Este ano esteve presente a Banda de Findhorn , que veio da Escócia e também a já tradicional Banda Roda dos Povos sob a regência de Paulo Henrique, tocando ao vivo para dançarmos.
Para focalizar os cursos tivemos a Mônica Goberstein(Brasil) com as Danças da Paz Universal; Fleur Barragan(Argentina) com Danças Africanas e Andy Bettis(Escócia) com Danças Ciganas e dos Balcãs. Participamos de uma vivência com Eliete Ramos; palestra com o médico antroposófico Moacir Amaral; o pré- lançamento do Documentário da História das Danças Circulares Sagradas no Brasil com a presença do arquiteto Carlos Solano, o precursor das Danças por aqui , que inclusive nos falou de como preparar um ambiente para as aulas de Dança - a limpeza, as cores, os cheiros, intenções e orações; a querida Arlenice Juliani comandando os cantantes.
Reunimos grupos e fizemos relatos sobre os benefícios das danças em Empresas, Saúde, Educação, no Social e também para quem pratica para si mesmo, tudo organizado com a maestria de Renata Carvalho de Lima Ramos, Sônia Lima , Andrea Leoncini e a maravilhosa equipe de apoio –
Sandra , Denise, Tati, Guataçara, João Paulo, Marcos Paulo, Laura , Nair e Luana.
E claro , em se tratando da história das Danças no Brasil, vários personagens dela lá estavam , Nadir Mercedes Tiveron , Paulo Murakata, Cristina Bonetti, Céline Lorthiois, Patrícia Tolentino, Cláudio Delfini, Cristiana Menezes, Sirlene Barreto, Maurícia Vasconcellos , Petrus Schoenmaker, Fátima Aguirre, Frances Rose , Vaneri de Oliveira ,Rita Almeida , Lia Simões ,Sandra Mazzoni , Luciana Esmeralda, Mairani Gabriel e muitos outros ; daqui de Porto Alegre estávamos
Rosenara, Aldo, Helena Campello e eu, Patrícia.

....fica o gostinho do próximo, dos novos encontros ,mas terminando com a frase da Nadir dizendo para ficarmos tranqüilos que “o mundo inteiro vai dançar, todos vão dar as mãos” e é confiando nisto que voltamos cada um para a sua roda ,fazendo girar a dança, dando continuidade a esta história que se recria e re-significa a cada passo, gesto e movimento.

OBS: Na foto acima o centro da roda, ao redor do qual nos reunimos e dançamos durante estes dias.


Um comentário:

  1. Adorei o seu post! Também estava lá e cada instante foi vivido com a maior presença e amor. Eu costumo dizer que são os melhores dias do meu ano e á a pura verdade. Faço minhas suas palavras:

    "....fica o gostinho do próximo, dos novos encontros ,mas terminando com a frase da Nadir dizendo para ficarmos tranqüilos que “o mundo inteiro vai dançar, todos vão dar as mãos” e é confiando nisto que voltamos cada um para a sua roda ,fazendo girar a dança, dando continuidade a esta história que se recria e re-significa a cada passo, gesto e movimento."

    MEU SONHO É QUE O MUNDO INTEIRO DANCE!!!

    Beijos

    Deborah Dubner

    ResponderExcluir